Quanto custa ir aos CrossFit Games

Quanto custa ir aos CrossFit Games

Neste artigo iremos analisar quanto custa ir aos Crossfit Games, em Madison nos EUA

  • Bilhete de ida e volta para Madison (Wisconsin – USA) a partir de Lisboa +/- 930€
  • Dez noites num hotel perto do Alliant Energy Center (Local onde ocorrem os CrossFit Games): entre 1600€ e 2900€

Isto são os custos iniciais, pois é preciso adicionar as deslocações no local e sobretudo a alimentação. Vocês já viram o quanto os atletas de CrossFit comem?

Esta é a verdade que os atletas de alto nível do CrossFit enfrentam. E muito parecido com o dinheiro que gastam para competir – é difícil e fora do alcance da grande maioria.

Como em qualquer modalidade profissional, para competir no nível mais alto do CrossFit, os atletas devem dedicar os seus dias a treinar e a recuperar. Alimentando-se adequadamente e pesquisando as melhores maneiras de obter uma vantagem sobre os seus concorrentes.

Ao contrário de muitas modalidades, os atletas de Crossfit não recebem uma compensação regular para competir – exceto pela vitória ocasional em competições. E na maioria das competições, eles precisam pelo menos de subir ao pódio para receber qualquer tipo de pagamento. Realmente, os atletas têm que vencer, com o custo das viagens e salários perdidos a consumir os seus ganhos. Vejam a competição Wodapalooza CrossFit Festival, por exemplo: os vencedores individuais receberam $25.000, com o segundo lugar a premiar $15.000 e o terceiro em $10.000. Um atleta teria que subir ao pódio várias vezes num ano para obter uma rendimento que desse para viver – e isso sem o custo de viajar e treinar.

Avaliando o custo: medalha de ouro ou algemas de ouro?

Então, se os CrossFitters não estão a ganhar dinheiro com o CrossFit, como é que eles conseguem pagar isto tudo?
A maioria dos atletas profissionais trabalham e/ou possuem uma Box de treino, no mínimo. Alguns até trabalham em vários empregos. Mas quem pretende competir com os atletas mais aptos do mundo, algo tem que ficar para trás, e isso normalmente é um trabalho típico de 9-5.

16 Eventos Sancionados, 11 países, 7 meses – Um Vencedor

Antes de 2019, o percurso para os CrossFit Games era uma linha reta, com três marcos: o Open, os Regionais, os Games. Para atletas Masters e Teens, substituam os Regionais por Online Qualifier. Para os atletas americanos, a localização do Regional geralmente não passava de um dia de viagem ou, possivelmente, um voo curto. O atleta apenas pagava por um hotel por um longo fim-de-semana – talvez uma semana. E no final, sabia que precisava de juntar fundos suficientes para chegar a Madison (tudo dentro dos EUA).

Com o fim dos Regionais, o percurso para os Crossfit Games deste ano mudou consideravelmente. Se o atleta não está entre os 20 primeiros colocados do Open, como Mat Fraser ou Tia-Clair Toomey, ou garantido para se qualificar por ser o mais apto em seu país (Campeão Nacional), como o João Ferreira e Sara Pinto, de Portugal, o atleta terá que ganhar um evento sancionado. Há dezasseis para escolher na temporada de 2019, espalhados por onze países diferentes durante sete meses. Os atletas agora devem criar estratégias sobre quais eventos participar – e quantos podem pagar.

Sean Sweeney, que venceu o Regional Sul no ano passado de 2018, competiu em Wodapalooza e Fittest in Cape Town este ano. Enquanto ele ganhou um convite para Madison na Cidade do Cabo, ele não poderia ter proporcionado a viagem sem financiamento de um patrocinador local.

“Com este novo formato, transformou-se nos Finance Games, e não nos CrossFit Games. É como quem tem o apoio para poder viajar”, disse Sweeney. “Vamos usar Miami e Cape Town como exemplos. Em ambas as competições, há entre 10 a 20 veteranos dos CrossFit Games em cada divisão de homens e mulheres que estão a lutar por um lugar. Então, tu podes ter o melhor fim de semana da tua vida e seres superado por uma outra pessoa e não chegar ao Games… Quantas vezes poderás fazer isso por ano?”

[instagram url=https://www.instagram.com/tv/BwDxzSIFZPr hidecaption=true width=640]

O outro lado da moeda – e talvez uma recompensa

Quando o CEO da CrossFit, Greg Glassman, anunciou o fim dos Regionais e as grandes mudanças nos Games, ele tinha dois objetivos: globalizar os Games da mesma maneira que os seus afiliados tinham experimentado o crescimento global e economizar dinheiro.

“É extremamente caro. Vejam o evento no Brasil – Reginal de 2018. Estamos no local onde os Jogos Olímpicos foram realizados. Isso custou-me mais de um milhão de dólares e o que saiu disso foram 2 pessoas para ir ao Games”, disse Glassman ao Morning Chalkup.

A sua solução foi a parceria com eventos previamente existentes como uma porta de entrada para os Games. Esta mudança poderá abrir a porta para muitas empresas menores. Marcas de suplementos e marcas de vestuário e acessório podem assim ter o seu destaque por meio de patrocínios de atletas em vez de competir com as grandes marcas nos Games.

Ganhaste uma vaga? Parabéns! Agora podes começar a fazer contas de Quanto custa ir aos CrossFit Games…

Então, digamos que garantes uma vaga os Games. Agora és responsável por pagar a conta:

  • Passagem aérea de Lisboa para Madison +/- 930€ e alugar carro na chegada, outros $200 ou mais;
  • Estadia, variável dependendo de quanto tempo e da localização. O Edgewater, o hotel atleta em Madison, custa um pouco mais de $200/noite;
  • Praticamente toda a tua comida. Comprada e preparada numa loja de alimentos naturais ou encomendada por uma empresa de alimentos preparados. Já que a maioria dos atletas não tem como a preparar $10 a $15 por refeição.

Muitos atletas fazem uma arrecadação de fundos nas Box’s e na comunidade. Mas… e se a comunidade também quiser viajar? Aí alguns custos serão mais baixos pois seriam diluídos em várias pessoas. Compensará a nível de alojamento, alimentação e deslocamentos. Poderão alugar um espaço maior, confecionar as próprias refeições e ter uma viatura maior.

200 Atletas, escassez de ingressos e incertezas

Os CrossFit Games realizam-se de 29 de Julho a 4 de Agosto de 2019). No entanto a maioria dos ingressos para os Games (como espectadores) já se encontram vendidos e já não existem muitos hotéis vagos.

Números específicos ainda não foram divulgados. No entanto, parece que cerca de 200 atletas em cada divisão se qualificarão para os Games. A maioria através do seu Campeão Nacional pelo Open.

O rulebook de 2019 declara: “Conforme a competição dos Games se desenrola, apenas os atletas e equipas mais bem classificados podem ser selecionados para continuar na competição.” Portanto, existe a possibilidade de centenas de atletas serem mandados para casa depois do primeiro ou segundo dia. Muitos terão que considerar se o custo de reivindicar o seu cobiçado lugar em Madison compensará a carga financeira.

6.00
6.00
55.00

Calças e Leggings

Leggings Savage Barbell Merlot

55.00
55.00

Gift Card

IGolas Gift Card

25.00200.00
14.00
15.00
15.00
+
Esgotado
42.00
pt_PTPortuguese
en_GBEnglish pt_PTPortuguese